Carta Cascavel

21/10/2010

 

Cascavel, Pr.Julho de 2012

 Atualizado em 11/07/2012

      ESTAMOS RETOMANDO AS ATIVIDADE DA NOSSA REVISTA ELETRÔNICA

   Esse espaço será compartilhado com a Academia Cascavelense de Letras,
                                              da qual será Órgão Oficial

                             

      A palavra/opinião deve ser dita, sob pena de perder-se na implicitude
                                     dos pensamentos não revelados. 


Escrito por Anjes às 00h21
[] [envie esta mensagem] []



 POSSE NA ACADEMIA

DOUTOR ANTONIO DE JESUS TOMOU POSSE
NA ACADEMIA PARANAENSE DE POESIA

O doutor Antonio de Jesus, presidente da Academia Cascavelense de Letras,
tomou posse na Academia Paranaense de Poesia, em Curitiba, no dia 19 de outubro
último, como membro correspondente da entidade, juntamente com outros poetas
paranaenses, do Brasil e do exterior.
 

Na mesma solenidade, presidida pela presidente Roza de Oliveira, também foram empossados
novos membros da APP nas categorias poeta, artes plásticas e música. Fizeram parte da mesa
de honra, dentre outros, o presidente do Centro de Letras do Paraná, desembargador
Renato Pedroso e a presidente em exercicío da Academia Paraense de Letras, Chlorís Justen.


Escrito por Anjes às 23h51
[] [envie esta mensagem] []


20/05/2008

 
Cascavel, Pr. Semana de 18 a 24 de maio de 2008 - No. 010508

 Atualizado em 20/05/08


  Evento de Gala 

ACADEMIA CASCAVELENSE DE LETRAS COMEMORA
SEU TERCEIRO ANIVERSÁRIO DE FUNDAÇÃO

Durante as festividades do seu terceiro aniversário de fundação e instalação, a ACL instituiu a Cadeira 26 - da sua reserva técnica -  e, com ela, elegeu patrono, o saudoso presidente da  Academia Paranaense de Letras e seu inspirador,  o doutor  Tulio Vargas, recentemente falecido. Na oportunidade, foi inaugurado um retrato  do novo patrono na  sede da entidade, à Rua Souza Naves, 2849.

A sessão solene comemorativa do terceiro aniversário da Academia Cas-cavelense de Letras, dias 9 e 10 de maio de 2008, no Querência Hotel,  revestiu-se da pompa e circunstân-cia merecida. A Cerimônia contou com a presença das delegações das Aca-demias de Letras das cidade de Curi-tiba, Irati, Guarapuava, Maringá e Pa-ranavaí, presentes ao Encontro das Academias de Letras em Cascavel.

Porque era dia de festa, do aniversário da ACL, da posse solene da diretoria 2008-2009, do Encontro das Academias do Paraná em Cascavel e outros eventos programados,  o jantar come-morativo no Harbor Querência Hotel foi um dos pontos altos.  À caráter, com a solenidade que a noite pedia. Uma festa para guardar na memória e nos anais da história da Academia Cascavelense de Letras e dos seus convidados.


Escrito por Anjes às 16h42
[] [envie esta mensagem] []


14/05/2007

ECOS DO II ANIVERSÁRIO DA ACL

Sessão solene do segundo aniversário
de fundação e da instalação

Lançamento da Revista da Academia
Cascavelense de Letras



 Aconteceu no dia 12 de maio último, a Sessão Solene Comemorativa
do
Segundo Aniversário de Fundação e Instalação da Academia
Cascavelense  de Letras.

Fundada no dia 21 de abril e instalada no dia 13 de maio de 2005,
este ano a festa aconteceu no dia 12, para evitar a concorrência com
o Dia das Mães e teve como local o salão de festas do Restaurante
e Churrascaria Gandim.

Na oportunidade foi lançada a primeira edição da Revista da Academia
com um apanhado histórico dos antecedentes, fundação, instalação e
das atividades desenvolvidas nos seus dois anos de existência.


Escrito por Anjes às 22h16
[] [envie esta mensagem] []


13/04/2007

 

FECOM/FEIRA DO LIVRO REGISTROU
RECORDE DE PÚBLICO E NEGÓCIOS



FECOM/FEIRA DO LIVRO NO
CENTRO DE CONVENÇÕES


  Lançamentos de Livros: 

ANTONIO DE JESUS: Universos Poéticos - Poesia

DIETER SCHILER: Decifrando o Evangelho de Judas

 Destaque no Estande da Academia de Letras:

O Ônibus Biblioteca da SEMUC - Secretaria Municipal de Cultura
e a repercussão entre as crianças da obras infantis expostas.

  FIM DE FEIRA... FIM DE FESTA

Foram cinco dias de festa/O clima alegre das feiras
Parque de diversões.../Gente vendendo,
Gente comprando/Gente passeando,
Gente divertindo/Um mercado persa
Bem ao jeitinho brasileiro...

Mas, também teve cultura/Uma feira para a alma
Com muito para o espírito: Livros, muitos livros,
Livros a mancheia.../ Livros para lançar
Livros pra manusear/ Livros pra vender
Até livros pra dar...

Hoje, fim de festa/ Quase hora de terminar
Com certeza valeu a pena/ Pra quem foi, pra quem viu
Quem não foi, não sabe o que perdeu...

--- O Ano que vem, tem mais...

(Fotos: anjes)

Leitmotiv: na feira do livro, as crianças
sentaram, manusearam, brincaram de ler,
melhor, muito melhor, exemplo pra gente
grande...

  Principais expositores:  

1. Nobel - Livrarias
2. Sebo Bom Livro
3. Sociedade Espírita (Livros Espíritas)
4. Unipar - Universidade Paranaense
5. Onibus Bibliotéca da Secretaria da Cultura
6. Stand da Academia Cascavelense de Letras

  DIA 13: DIA DE MUITOS LANÇAMENTOS 

A Fecom/Feira do Livro 2007, teve sequência (de 11 a 15 deabril)  numa promoção da CDL
- Câmara de Dirigentes Logistas de Cascavel/Secretarias da Indústria e Comercio/Cultura
  e muitas parcerias, como a Academia Cascavelense de Letras,
inclusive, na coordenação da 1a. Feira do Livro.

Com recorde de público e negócios, a Fecom está superando as suas versões
anteriores em muitos aspectos.   No setor da 1a. Feira de Livros, foi dia de lançamentos
de vários livros: do autor toledano, Marcelo Grondim (O Alvorecer de Toledo no
Desenvolvimento do Oeste do Paraná); Dr. Altamiro José dos Santos (O direito à Segurança
Pública e Legítima Defesa Social); Clayton Costa (A Arte de Vender); Professores de
jornalismo de várias instituições,  uma obra coletiva sobre as várias nuances da
carreira de jornalista: (Estudos de Jornalismo)


Escrito por Anjes às 00h52
[] [envie esta mensagem] []



SEGUNDO DIA DA FECOM+FEIRA DE LIVROS
APONTA PARA O SUCESSO DO EVENTO

No primeiro dia, após a abertura,  o fluxo de público na 14a. Fecom+
a I Feira de Livro de Cascavel, numa parceria entre CDL/Município de Cascavel/
Secretarias de Indústria e Comercio e Cultura e  Academia Cascavelense de
Letras aponta para o sucesso do evento, que reune as principais empresas
de Cascavel.


Escrito por Anjes às 00h50
[] [envie esta mensagem] []



ABERTURA DA FECOM + FEIRA DE LIVROS
UM EVENTO PARA  FAZER HISTÓRIA

A abertura da 14a. Fecom + a Feira de Livros
aconteceu dia 11, às 20:00 horas no Centro de Convenções
de Cascavel. A abertura, contou com momentos solenes
dentre eles duas homenagens especiais:  a primeira delas,
ao acadêmico, professor e escritor Bertolino Tenfem, pela sua trajetória de vida
e a outra, a entrega ao Arcebispo Emérito de Cascavel, Dom Armando Cirio,
do título de membro benemérito da Academia Cascavelense de Letras,
pela sua vida sacerdotal e pelos relevantes serviços à comunidade do
Oeste do Paraná e a cidade de Cascavel.


Escrito por Anjes às 00h34
[] [envie esta mensagem] []


04/01/2007

BIBLIOTÉCA PÚBLICA DE CASCAVEL COMEMORA
DIA NACIONAL DA POESIA E LANÇA CONCURSO
DE CONTOS E POESIA



Hoje (14/03/07) às 18:00 horas, na Biblioteca Pública de Cascavel, aconteceu
o lançamento do Sétimo Concurso Literário Celso Formighiére Sperança de Conto e Poesia.

O evento contou com a participação da ACL - Academia Cascavelense de Letras que assumiu a tarefa de realizar o Sarau Lítero-Poético em comemoração ao Dia Nacional da Poesia. As inscrições do concurso estão abertas e irão até 14 de setembro de 2007.
 

A ficha de inscrição e regulamento estão disponíveis na Biblioteca Pública e, nos próximos dias na internet, no site do Município de Cascavel: www.cascavel.pr.gov.br/cultura/concursoliterario. A Premiação: troféu e inclusão das obras premiadas no livro do Sétimo Concurso. Os primeiros colocados em cada categoria receberão, ainda: 30, 20 e 10 exemplares do livro, respectivamente.


Escrito por Anjes às 17h46
[] [envie esta mensagem] []



TULIO VARGAS É RECONDUZIDO PARA MAIS UM MANDATO
FRENTE A ACADEMIA PRANAENSE DE LETRAS

O doutor TÚLIO VARGAS, está nos comunicando a sua recondução para mais um mandato de dois anos à frente da Academia Paranaense de Letras.

A sua reeleição tem razão de ser pela sua compe-tência e empenho na condução dos ideais e princípios da Academia-Mãe e, também, pelo seu esforço no sentido de interiorizá-la através do estímulo para a fundação de novas academias nos mais distantes rincões da terra paranaense. Nessa tarefa, tem contado com um parceiro de sonho, o professor Francisco Filipak. Ambos têm levado o ideal acadêmico além das fronteiras parana-enses, pois além da tantas novas instituições criadas aqui, dentre elas a ACL, também têm levado a semente ao vizinho estado de Santa Catarina.

O doutor Túlio Vargas, escritor e historiador,  é um cidadão paranaense das mais gratas tradições, na política, inclusive, tendo ocupado as relevantes funções de deputado federal e senador da república, bem como a de Secretário Estadual da Justiça com raro brilhantismo. Desejamos ao ilustre confrade a continuidade do seu sucesso à frente da Academia Para-naense.


Escrito por Anjes às 17h34
[] [envie esta mensagem] []


22/12/2006

  ACL: ENCERRAMENTO DO ANO ACADÊMICO  

 

 


Jairo Eduardo (O Pitoco) e senhora.


O presidente Antonio de Jesus, o jornalista Alceu Sperança e o trovador-repentista Nabuco Portes. 


Hilmar Adams, o anfitreão.

 

A Academia Cascavelense de Letras, encerrou o ano acadêmico, com um concorrido jantar que teve como lugar a sede da Fundação Iguaçu, capitaneada pelo confrade Hilmar Adams. Dentre os presentes, o escritor e historiador Alceu Sperança e o repentista Nabuco Portes.

 


Escrito por Anjes às 22h02
[] [envie esta mensagem] []


08/12/2006


Antonio de Jesus, da ACL e o escritor mineiro, Fernando Morais,
durante a visita à I-EXPO -LIVROS.

A I EXPO-LIVROS, promovida pela Academia Cascavelense de Letras,
 teve como seu último ato, durante o encerramento, dia 30/11, a visita do renomado
escritor e historiados mineiro Fernando Morais, autor dos livros "A Ilha"; "Chatô",
"Olga", dentre outros. Após a visita, Fernando concedeu entrevista coletiva
 à imprensa, afirmando que estava impressionado com a vitalidade da produção
litérária de Cascavel e a qualidade gráfica das obras expostas.

FERNANDO MORAIS VEIO LANÇAR SEU
 LIVRO MAIS RECENTE EM CASCAVEL

 

FERNANDO MORAIS, veio à Cascavel para lançamento do seu oitavo livro, "Montenegro - As Aventuras do Marechal que Revolucionou os Céus do Brasil", através do projeto " Sempre Um Papo", patrocinado pela Caixa, com a co-participação e apoio da Secretaria da Cultura e Academia Cascavelense de Letras.
  A obra, resgata a história de Cassimiro Montenegro, típico herói revolucionário dos anos 30 e um militar sui generis, que preferia o bom senso à rigidez típica da caserna. O livro, com 327 páginas, foi editado pela Planeta e está sendo colocado à venda ao preço de R$ 40,00. Bom de papo, um dos papas na arte de escrever biografias. Vale a pena conferir sua obra. O lançamento aconteceu nas dependências da Câmara Municipal, com autógrafos e debate. O público presente era, majoritáriamente de estudantes das faculdades locais.


Escrito por Anjes às 22h51
[] [envie esta mensagem] []



 I EXPO-LIVROS

ECOS DA PRIMEIRA EXPOSIÇÃO
REGIONAL DE ESCRITORES

Suzy Delgado, Antonio de Jesus, Julio Cesar Fernandes,
Francisco Filipak, Andrés Lobos e Marcio Couto

A Academia Cascavelense de Letras realizou de 24 a 30
de novembro, na Sala Verde da Biblioteca Pública de Cascavel, a Primeira
Exposição Feira de Livros dos Escritores de Cascavel e Região,  tendo
como convidados especiais escritores paraguaios de Assunção.

A EXPO-LIVROS foi aberta na sexta-feira, (24/11) dentro da programação da Semana Cultural Cascavel – Assunção, a 1ª Exposição Feira de Livros que contou com obras de 18 escritores cascavelenses e dois paraguaios, Susy Delgado e Andrés Lobos. A feira aconteceu na Sala Verde, na Biblioteca Pública, e ficou aberta até o dia 30 de novembro.

 Na ocasião, o presidente da Academia Cascavelenses de Letras (ACL), Antônio de Jesus, explicou que o objetivo da exposição era permitir um novo aprendizado, além de possibilitar o contato direto com a produção local. “Movidos pela vontade de fazer cultura, estamos construindo, ainda que sem muito investimento, oportunidades para que mais pessoas possam contribuir”, evidenciou. Esteve presente também durante o lançamento da exposição, um dos mais antigos membros da Academia Paranaense de Letras (APL) e fundador da ACL, Francisco Filipak, que parabenizou os cascavelenses pela iniciativa. Na oportunidade, disse: “É muito importante para a cultura da cidade esta interação de seus escritores com o público. A intenção da APL é justamente propor trabalhos com este teor em todas as cidades pólos que possuem academias de letras”, complementou ele.

 O secretário da Cultura, Julio César Fernandes, reforçou a importância da troca de experiência entre os dois países. “Esta reciprocidade entre os dois países é positiva e o sentimento pelos paraguaios é de irmandade. O intercâmbio entre Cascavel – Paraguai vem sendo realizado desde junho deste ano e esta prática permite aos artistas maior visibilidade, ao mesmo tempo em que o conhecimento adquirido traz avanços para a classe artística”, ressaltou o secretário.

A visitação foi intensa durante a semana, que se estendeu até o dia 30/11, no horário correspondente ao do expediente da Biblioteca.  Durante toda a Semana Cultural, os acadêmicos de Cascavel realizaram reuniões extraordinárias das 17 às 19 horas, no local da exposição, realizando  encontros interativos com o público presente. O evento,  promoção da ACL, contou com o apoio da Prefeitura de Cascavel através da Secretaria da Cultura. Na sexta-feira, dia 30, dia do encerramento, com o apoio da Caixa, recebeu a visita do escritor mineiro Fernando Morais, que no recinto da Biblioteca, também concedeu uma entrevista coletiva à imprensa.


Escrito por Anjes às 22h03
[] [envie esta mensagem] []



II ENCONTRO DE ESCRITORES


Imagens das mesas do II Encontro Regional de Escritores
e do Encontro de Cineastas Brasil/Paraguai.

No Sábado, dia 25/11/06, conforme a programação
 adredemente anunciada pela ACL-Academia Cascavelense
 de Letras, reuniram-se na sede da Associação
dos Jornalistas
 escritores de Cascavel, da Região e de Assunção, Paraguai
.
 

   A abertura do evento aconteceu às 09:00h, com a presença do vice-prefeito Vander Piaia, representando o Prefeito Lisias Tomé e do Secretário da Cultura, Julio Cesar Fernandes, além de outros convidados especiais.

A PALESTRA 

   Durante o II Encontro de Escritores, além dos anfitriões, membros da ACL, estiveram presentes a  poetisa, jornalista e escritora Suzy Delgado e o escritor Andrés Lobos, de Assunção, Paraguai. Ambos participaram ativamente do conclave com depoimentos sobre a realidade da literatura de seu país e os temas mais relevantes da atualidade cultural paraguaia.

  O ponto alto do II Encontro, foi a presença do professor Francisco Filipak, membro da Academia Paranaense de Letras (e outras), um dos incentivadores da criação da ACL. A palestra do professor Filipak teve duas partes distintas: 1) o momento atual das academias do Paraná e Santa Catarina, muitas das quais fundadas graças ao seu empenho e sua tenacidade como " semeador de academias" e 2) a sua tese em defesa do guarani, como língua autônoma (do tupi). Depois de uma longa exposição, se incorporam à discussão os escritores paraguaios, especialmente a poetisa Suzy Delgado, defensora do reconhecimento legal (já existente) da língua, como o terceiro idioma oficial do Mercosul e a obigatoriedade da sua inclusão como idioma oficial na administração pública paraguaia, concomitantemente com o espanhol, já que é a primeira língua da maioria da população daquele país.

  Segundo o presidente da ACL, Antonio de Jesus, o II Encontro de Escritores, assim como a I Expo-Livros, que vai até 30 de novembro, na Biblioteca Pública, atingiram os objetivos propostos pela diretoria, de aproximar a instituição e a comunidade e, também, democratizar o acesso à literatura e aos livros.


Escrito por Anjes às 21h06
[] [envie esta mensagem] []



 

NOSSO SONHO VESÂNICO

   Parafraseando Olavo Bilac, o fazer acadêmico é um pouco um sonho vesânico: homens e mulheres lançados numa inglória tarefa de defesa do vernáculo e da sua conseqüência artístico-literária, o livro. Escrevemos para uma minoria que tem acesso ao que se publica, enquanto outro tanto – a maioria – se mantém longe deles, os livros, por falta do hábito da leitura ou pela incapacidade financeira para a aquisição do produto literário. Os preços dos nossos livros ainda continuam incompatíveis com os padrões econômicos do grande público, que ainda tem de optar entre o subsistir e o consumo dos bens culturais.

Se uma nação se constrói com homens e livros, como expressou Monteiro Lobato, estamos diante de um dilema crucial: faltam homens, no verdadeiro e amplo sentido da palavra, e livros na quantidade e qualidade necessárias à construção de uma nação digna e compatível com as necessidades da população.

Outro dia um amigo perguntou-me, na bucha:

– Por que você não direciona seu precioso tempo e a sua competência profissional para atividades mais úteis e necessárias à coletividade?

Não passei recibo e apresentei uma porção de justificativas... Mas, confesso, tem hora que pergunto a mim mesmo:

– Vale a pena, Jesus?

°°°

PS – Vale a pena, sim! Nós, os vesanos, (portadores da vesânia; loucos, dementes, alienados, malucos delirantes de inescondível insensatez), somos necessários neste país onde muitos ainda precisam, entre tantas coisas, aprender a ler...

ANTONIO DE JESUS

Da Academia Cascavelense de Letras


Escrito por Anjes às 21h01
[] [envie esta mensagem] []



[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 
 
 
       
   
BRASIL, Sul, CASCAVEL, Homem







Histórico

OUTROS SITES
    FREEWAY - Imagens & Poesia
  ACADEMIA DE LETRAS
  GALERIA VIRTUAL - Fotos & Poesia
  BOCA MALDITA - On Line
  CASCA NEWS - Gentre & Cidade
  MARIONETES - Paulinho de Jesus
  CIDADE DE CASCAVEL - Site do Município
  CÂMARA MUNICIPAL
  UOL - O melhor conteúdo
  BOL - E-mail grátis
  PÁGINA DA ACADEMIA
  ARTE & CULTURA -Imagens e Eventos


VOTAÇÃO
    Dê uma nota para meu blog